Especialidades e tratamento

FIMOSE

Fimose é o excesso de pele que recobre o pênis, dificultando que a glande (cabeça do pênis) seja exposta.

É condição comum nos bebês meninos e tende a desaparecer com o tempo. Aos 6 meses espera-se que 20% deles possam ter seu prepúcio totalmente retraído, 50% aos 12 meses e 90% aos 3 anos.

Entretanto, a fimose também pode ser causada por episódios repetidos de infecção na pele ou na glande durante os primeiros anos de vida ou mesmo na adolescência e fase adulta. Esse quadro desencadeia uma piora da pele que envolve a glande, impossibilitando que ela seja exposta. 

O diagnóstico é realizado no exame físico, pela tentativa de retração do prepúcio e exposição da glande.

Complicações se não tratado:

  • Infecção urinaria,
  • Dor nas relações sexuais,
  • Câncer de pênis;
  • Parafimose (situação muito dolorosa, quando o prepúcio é retraído e fica preso, não retornando a recobrir a glande)

O tratamento pode ser realizado com pomadas a base de corticoide e tratamento cirúrgico, com a remoção do excesso de pele. As complicações da cirurgia são raras e estão relacionadas a deiscência de pontos, infecção local e edema linfático.

IMPORTANTE: A cirurgia para fimose não pode ser realizada em situações como infecção local, dificuldade na coagulação sanguínea ou em caso de anormalidades no pênis, como hipospádia, porque nestes casos pode ser necessário utilizar o prepúcio para a reconstrução genital.

Precisa de consultar com um Urologista em Montes Claros? Agende aqui de forma rápida e fácil!

Open chat